Neto Tallarico pede ampliação de atendimentos, expediente e testes em massa nas Unidades Sentinelas

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

O vereador Neto Tallarico (PL) entregou ofício ao secretário municipal de Saúde Roberto Tamura, no último dia 11 de março, solicitando que a Secretaria realize a ampliação de atendimentos e serviços nas Unidades Sentinelas de Capão Bonito, que são dedicadas exclusivamente para os casos suspeitos ou confirmados de Covid-19.

O ofício pede que o expediente nas unidades aconteça também no período noturno e aos fins de semana, e a aquisição de testes para realizar a testagem em massa da população. Além disso, o vereador pediu também que a Secretaria projete um espaço para recepção dos usuários da unidade, para que não formem filas, evitem aglomerações, e não fiquem expostos ao sol e à chuva.

Conforme explicou o vereador, está notório a procura constante pelas unidades, de acordo com as filas e o tempo de espera para que as pessoas consigam o atendimento e também para que tenham a oportunidade de realizar o teste.

“Já recebi demandas que nos trazem muita preocupação, como um morador que não conseguiu fazer um teste de forma ágil em Capão Bonito, mas procurou por outro município, onde conseguiu no mesmo dia. Isso é extremamente preocupante, pois ocorre a demora para descobrir a doença, e os assintomáticos podem transmitir o vírus sem ter ciência da periculosidade”, disse.

Para o vereador, é importante também ampliar o expediente dos locais, para que as pessoas com suspeitas não precisem procurar por atendimento no Pronto Socorro da Santa Casa. “No PS, a população busca atendimento por qualquer outro motivo e doença, e correm o risco de serem contaminados pelo coronavírus”, alegou.

O vereador completou ressaltando a importância de ampliar as ações para combater o vírus. “Infelizmente estamos vivenciando um grande aumento do número de casos, por isso precisamos também aumentar o atendimento à população, emergencialmente. É a hora da prioridade, temos que somar todos os nossos esforços para combater o vírus e dar apoio às pessoas contaminadas e com suspeita da doença”, finalizou.